Invisalign durante a gravidez: quais as orientações?
Invisalign

Invisalign durante a gravidez: quais as orientações?

O alinhador transparente Invisalign é um método rápido, econômico e discreto para lhe proporcionar um sorriso alinhado e harmônico. Entretanto, algumas mulheres possuem dúvidas quanto à realização do tratamento no período de gravidez. 

Neste quesito, o Invisalign leva uma certa vantagem em relação ao aparelho ortodôntico fixo convencional. Durante a gravidez, há maiores chances de ocorrerem inflamações, principalmente no que diz respeito à saúde gengival. Com os alinhadores removíveis oferecidos pelo tratamento com Invisalign, é possível ter uma melhor higienização bucal, diminuindo estes riscos.

Quais os benefícios em escolher o Invisalign ao invés de um aparelho fixo?

A resposta dolorosa aos estímulos de movimentação dental é consideravelmente menor em relação ao aparelho fixo, o que diminui o desconforto do tratamento. A acomodação dos dentes às placas acontece de forma rápida e indolor, o que evita, além do desconforto, eventuais feridas, que podem aparecer durante o uso do aparelho fixo. 

Os alinhadores invisíveis atuam de forma rápida, com duração média de seis meses (podendo chegar a até um ano, dependendo do caso e do uso do paciente). Portanto, as grávidas que optarem pelo tratamento, podem realizá-lo durante toda a gestação e concluir pouco antes da chegada do bebê, ou nos primeiros meses. 

Além disso, um outro benefício é a redução das idas ao dentista, já que o profissional irá entregar as placas invisíveis ao paciente, que serão trocadas após duas semanas em casa, seguindo as orientações. Este é um diferencial em relação às manutenções mensais realizadas durante o uso do aparelho fixo.  

Orientações para grávidas que investirem no Invisalign 

Para realizar o uso destes alinhadores, é necessário passar por um raio-x panorâmico, o que deve ser evitado no primeiro semestre da gestação, devido a radiação ser um potencial agente de mutação em células indiferentes do bebê.  

Além disso, é necessário que a paciente siga todas as orientações do tratamento fornecidas pelo dentista, que incluem: 

  • Uso durante 22h diárias para garantir o resultado no prazo esperado; 
  • Retirar o aparelho ao fazer refeições ou ingerir bebidas (exceto água gelada); 
  • Manter os hábitos de higiene bucal, como a escovação correta e uso do fio dental. 

Na higiene, é importante que os cuidados sejam redobrados durante a gravidez. Por conta das alterações hormonais, mulheres grávidas podem desenvolver inflamações na gengiva. Por isso é importante que todas as recomendações de limpeza sejam seguidas corretamente. 

Deixe um comentário