fbpx
Tratamento ortodôntico: acompanhamento dos pais
Tratamento ortodôntico

O tratamento ortodôntico realizado na infância é essencial. Isso porque para cuidar do desenvolvimento saudável da dentição da criança. Quando o tratamento ortodôntico inicia cedo, é possível evitar que problemas na arcada dentária se agravem. No entanto, é essencial o acompanhamento dos pais durante o processo, e é sobre isso que vou falar nesse artigo.

Qual a importância do tratamento ortodôntico na infância?

Durante a infância ocorrem diversas modificações na arca dentária. Isso porque, a criança passa pela troca dos dentes de leite por dentes permanecentes. Com isso, eles começam a crescer em diversas partes da boca, e muitas vezes no posicionamento incorreto. Dessa forma, o acompanhamento profissional é essencial para que a oclusão se desenvolva de forma correta, não afetando a saúde bucal da criança.

Assim, muitos profissionais recomendam o uso do aparelho ortodôntico para que os dentes fiquem no posicionamento correto, e evitar a mordida errada. No entanto, é essencial que os pais não esperem que esses problemas tornem-se visíveis. Isso porque o tratamento precoce é essencial para bons resultados.

Inicie o tratamento assim que ortodontista disser que é possível

Alguns pais ficam com receio de iniciar o tratamento na infância, e deixam para quando os filhos ficam mais velhos. No entanto, o recomendado é iniciar o tratamento assim que o ortodontista disser que é possível. Isso porque, o tratamento irá corrigir as imperfeições logo que os problemas se iniciam, evitando o agravamento deles e tratamentos complexos.

Acompanhe o seu filho durante o tratamento

O acompanhamento dos pais no tratamento orienta a criança no uso correto do aparelho e na higienização. Por isso, acompanhe a criança nas consultas, converse com o profissional responsável pelo tratamento e tire todas as suas dúvidas.

No caso dos tratamentos Invisalign, avalie sempre se a criança está fazendo o uso do aparelho durante o tempo recomendado pelo ortodontista, e ajude-o a fazer a higienização correta do aparelho e dos dentes.

Além disso, não permita que o seu filho se ausente às consultas de acompanhamento sem justificativa. Elas são essenciais para a evolução do tratamento.

No Comments
Leave a Reply